the fashion police gets real

It's the most wonderful time of the year... not. Chegou a silly season... aquela altura maravilhosa em que Lisboa fica meio deserta, está um calor brutal, estão a acabar os saldos, ainda não apetece a roupa da nova estação, e as revistas de moda ficam praticamente anorécticas, logo agora que temos tempo para as ler.

Mas se Portugal cai na modorra, nos gloriosos US of A a luta contra o crime e as escolhas sartoriais de gosto duvidoso não dorme! E por isso diversas cidades e até Estados por toda a América estão a tomar medidas contra um verdadeiro flagelo dos nossos tempos...


... as calças descaídas.

Sim! O país que salvou o mundo das armas de destruição maciça de Saddam Hussein (ou não) e dos nefastos talibãs liderados por Bin Laden (ou não), vira as suas atenções contra o perigo para a saúde e segurança públicas, contra a hedionda agressão visual que constituem as calças descaídas! Estamos salvos!

Entre os pioneiros conta-se a cidade de Flint, no Estado do Michigan, onde desde 2008 que o uso de calças demasiado abaixo da cintura pode dar multa ou dias de cadeia... Por outro lado, em Nova Iorque - onde claramente toda a gente já viu de tudo - um tribunal recentemente afirmou que o direito a usar calças descaídas constitui uma expressão do direito constitucionalmente consagrado de fazer figura de idiota.


Como muitos elementos do sexo masculino que se perguntam como é que as mulheres conseguem andar de saltos, eu sempre me admirei com a capacidade demonstrada por muitos homens de conseguir andar com as calças assim. Parece-me um prodígio que desafia as leis da Física. Mas como é que aquilo segura? Se precisarem de correr para apanhar um autocarro, não correm o risco de lhes cairem as calças pelo tornozelo e estatelarem-se no chão? E acima de tudo, não apanham perigosas correntes de ar no rabiosque?

Confesso que a minha nítida incompreensão perante este estilo em nada evoluiu com a descoberta das origens do mesmo. Reza a lenda que tudo começou nas prisões norte-americanas, onde os presos não podem usar cintos nem atacadores ou parecido, e muito frequentemente recebiam uniformes de tamanhos maiores que os seus. Resultado, lá andavam pela cadeia com as calças pelas ancas e os fundilhos quase pelo joelho. Com a divulgação do sub-género musical gangsta rap no início da década de 90, vários rappers que, quando não estavam a cantar, praticavam actividades duvidosas, passaram umas temporadas na cadeia... Depois de saírem, continuaram a usar as suas jeans naquele estilo, comprando-as vários números acima e usando-as bem descaídas e, de preferência, a mostrar o logótipo dos boxers. E assim nasceu uma moda. Bem estiloso, não?

(definitivamente não)

... embora francamente eu ache que a coisa não vai ao ponto de ser caso de polícia. Apesar de tudo, não deixo de sentir alguma simpatia pelos pobres polícias da cidade de Flint, no Michigan, que em vez de prender verdadeiros meliantes andam pelas ruas (imagino-os eu) de reguazinha na mão, a medir a percentagem do bumbum dos meninos que fica de fora das calças.

4 comentários :

  1. E eis que é chegado o momento de citar Cher "Clueless" Horowitz: "So okay, I don't want to be a traitor to my generation and all but I don't get how guys dress today. I mean, come on, it looks like they just fell out of bed and put on some baggy pants and take their greasy hair - ew - and cover it up with a backwards cap and like, we're expected to swoon? I don't think so."

    Estávamos no ano de 1995.

    A Amiga D.

    ResponderEliminar
  2. E ainda falam dos anos 80 como "the decade that style forgot"... para mim os anos 90 são igualmente, se não ainda mais, férteis em atentados visuais!

    ResponderEliminar
  3. A década de 90 parece ter sido um limbo permanente entre o minimalismo em tons de cinzento da Prada e os excessos dourados do Gianni Versace. Embora reconheça à Miuccia Prada o mérito de limpar o palato, preparando-nos para a redescoberta da feminilidade, gosto bem mais do que nos trouxe no final da década (e década seguinte).

    Bolas, de repente sinto-me mesmo velha.

    A Amiga D.

    ResponderEliminar
  4. Lol, o que eu me ri com este post! =D

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...