going green


Desde que terminei o Boréade CL que referi no último desaparecidos em combate, que tenho estado a usar o Gel Desmaquilhante Suavizante da Avène como segundo passo da minha rotina de limpeza. É um produto suave e agradável de utilizar, apesar de eu ter estranhado inicialmente o facto de não fazer espuma. Mas quando iniciei o ginásio este mês, percebi que precisava de algo com acção de limpeza mais profunda para utilizar depois do exercício. Como já tinha lido pela blogosfera algumas opiniões muito favoráveis, decidi experimentar o Gel de Limpeza Tri-Activo da Vichy e fiquei mesmo impressionada! Este produto, que apesar do nome "gel" é na verdade um creme verde-claro, não tem sabão nem parabenos, tem 25% de argila na sua composição e ainda pequeninos grãos exfoliantes. Basta o equivalente a uma ervilha para limpar o rosto em profundidade, sem qualquer irritação e sem sensação de repuxar. Creio que a argila deve ter uma acção calmante, porque senti a diminuição de uma certa vermelhidão que ocasionalmente sinto no rosto. Não o uso todos os dias mas quase; guardo-o para depois do exercício ou quando sinto a pele a precisar de uma geral, e alterno com o gel desmaquilhante da Avène e a água micelar da Bioderma. Segundo a marca, também se pode utilizar como máscara, mas ainda não experimentei. O único inconveniente é ser em tubo, género de embalagem bastante chata de manusear quando o produto chega ao fim.

Quando comprei este produto da Vichy, acabei por comprar também o Tratamento Hidratante Anti-Imperfeições da mesma gama, muito devido a uma convergencia de factores que se podem resumir a: (i) o hidratante actual estava a terminar; (ii) trazia uma amostra de Gel de Limpeza que me vai dar muito jeito na próxima viagem; (iii) apeteceu-me. O que foi uma compra meio casual revelou-se um belo achado: a minha pele adora a textura deste creme, que inclui activos matificantes e ácido salicílico para potenciar a renovação. Desde que terminei o Visionnaire que sentia a pele um pouco mais baça e com o grão menos afinado (a praia também não ajudou), e em alguns dias senti uma melhoria. Aliás, a combinação deste creme com o meu protector solar habitual Clarins UV Plus SPF 40, seguidos de base Lancôme Teint Miracle ou Armani Lasting Silk, tem dado óptimos resultados: a minha pele fica impecável e super natural e a maquilhagem dura muito mais. Adeus derrames de petróleo. Ao contrário do que acontece com o gel de limpeza, este produto vem numa embalagem tal qual como eu gosto, um frasco opaco e fechado a vácuo com um doseador muito prático (i.e. daqueles que permitem mesmo controlar a dose que sai).
 
Por último, o Huile Satinée Demaquillante Révélatrice D'Éclat da Yves Saint Laurent foi comprado nos saldos da Perfumes & Companhia, francamente já não me lembro do preço e percebi entretanto que o produto foi descontinuado. É pena, porque é um óptimo óleo desmaquilhante. Tira tudo muito facilmente, incluindo batons de longa duração e maquilhagem waterproof, e sai com água transformando-se num líquido leitoso. Tenho-o usado para retirar a maquilhagem quando me apetece refrescar o rosto ao fim do dia.

5 comentários :

  1. olá baby, fiquei muito impressionada com o que disseste do gel de limpeza tri-activo! neste momento todos os meus os meus produtos para o rosto são da clinique e depois do ginásio sinto necessidade de sentir a pele limpa. reparei que mal regressei à rotina clinique a minha pele melhorou muito (estava com borbulhinhas super pequenas tipo alergia) e agora está mais luminosa e a pele parece mais lisa :)

    nos saldos encontram-se produtos maravilhosos mesmos :)

    bjo**

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto da "síndrome de Setembro" tem que lhe diga! Eu gosto imenso da Clinique, curiosamente dou-me bem com todos os produtos menos os 3-step!

      Bjs,

      Eliminar
  2. Entre os meus 15-19 anos tive a pele oleosa, e tenho óptimas recordações desse hidratante da Vichy, que deixava a minha pele hidratada e mate. Na altura usava o gel de limpeza Cleanance da Avene e adorava, sempre tive a pele muito sensível e esse limpava sem repuxar. Por outro lado, a minha irmã tem uma pele dificílima e oleosa, e adora o hidratante nocturno dessa linha Normaderm da Vichy, diz que lhe afina os poros e elimina manchas de imperfeições... Sinceramente não sei o que é pior, já tendo passado pelos dois extremos, se ter pele oleosa, se ter pele seca!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois! Eu tenho a pele oleosa desde a adolescência e sempre foi um derrame de petróleo, excepto durante uma semana em Londres em 2009 com tanto vento que nem a minha pele aguentou e secou, então só me lembro de uma sensação horrível de frio, secura e repuxamento que era como ter cieiro na cara toda :-( Ela por ela, acho que fico com a pele oleosa...

      Eliminar
  3. Tenho muito boa experiência com vários produtos da Vichy sendo que a maior revelação de todas é uma base (maquilhagem). Já vi meninas aqui a comentarem a Clinique e eu sou fã (cremes, máscaras, maquilhagem... you name it)
    http://entreameianoiteeastres.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...