agarrem-se bem às carteiras


Nem parece que há crise. A ascensão (bem merecida) de Lisboa como destino turístico de primeira linha está a torná-la um apetecível local de negócio para os retalhistas da gama média-alta, em especial a Avenida da Liberdade onde desaguam todos os dias centenas de passageiros dos cruzeiros que passam pelo rio Tejo. Ainda assim, foi com genuíno espanto que li a notícia de uma possível abertura das Galeries Lafayette na Avenida da Liberdade, junto ao Hard Rock. Ora basta visitar o site das Galeries Lafayette e ver a lista de marcas representadas, para perceber que isto é uma coisa muito apetecível. Mas muito apetecível, mesmo.


Confirmada está ainda a abertura da primeira loja COS em Portugal, também na Avenida da Liberdade. Pertencente ao grupo da H&M, a COS caracteriza-se por preços e qualidade mais elevados, com um design muito minimalista e nórdico. A loja online já enviava para cá, porém pela minha experiência os moldes da COS são muito particulares pelo que nunca me atreveria a comprar uma peça sem a experimentar.

Em aberto continua a possibilidade de a Topshop abrir uma loja em Portugal, como chegou a ser noticiado no início deste ano; a verdade é que não há sinais da anunciada loja no Colombo nem confirmação expressa por parte da marca...

1 comentário :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...