e produziu-se o amor à primeira vista


Depois da aventura que foi comprá-lo, o Rouge G #820 Parade não desiludiu, muito pelo contrário. É um vermelho true red, ligeiramente aberto, luminoso. O que me surpreende nele é que apesar de a fórmula ter um lindíssimo acabamento glossy acetinado tipo candy apple, a duração é excelente. Mantém-se no sítio horas a fio, de forma confortável, sem secar nem perder a intensidade.

A acompanhar o Rouge G veio a máscara de pestanas Grandiôse da Lancôme, que após hesitação lá decidi comprar tendo em conta os simpáticos preços da Perfumerías Primor e a opinião positiva da C&C. Quanto a isto tenho a dizer que mergulhei na coisa de cabeça e sem ler as quilométricas e detalhadas instruções que acompanham a máscara (que decerto irei analisar a seu tempo). Foi saltar para a piscina e nadar. E não é que isto dá mesmo um jeito do caneco? Apesar de ser abençoada com pestanas fartas e escuras, ou talvez exactamente por causa disso, eu adoro um pestaname bem realçado e a Grandiôse produziu uma brilhante primeira impressão, a ponto de se posicionar como concorrente a destronar a Diorshow Extâse como favorita de sempre. Mas é cedo para falar e preciso de uns dias para testar bem esta menina.

Compra inesperada foi o They're Real! Push-Up Eyeliner da Benefit. Confesso que li críticas totalmente contraditórias sobre este produto, que pelos vistos ou se ama ou se odeia; não estava de todo nos meus planos experimentá-lo sequer. Mas numa visita rápida à Sephora do Chiado, a menina da Benefit ofereceu-me para mo aplicar e eu acedi. De forma inteligente, ela mostrou-me como funcionava, aplicou-mo num olho e convidou-me a experimentar eu no outro. Gostei da aplicação e do efeito, e sobretudo do intenso negrume deste eyeliner

Decidi-me a comprá-lo e entretanto constatei que tem uma duração extraordinária; um risco feito na minha mão não saiu a tarde toda, com múltiplas lavagens pelo meio. No dia seguinte, lá esperei vinte minutos a fazer clic clic (o eterno calvário da primeira aplicação partilhado pelo Touche Éclat, pela Ellis Faas e por tudo o que venha em click pens) para experimentar o Push-Up em condições, e a segunda impressão foi igualmente positiva. É preciso tratá-lo com algum cuidado, e recomendo ter à mão um kleenex para limpar algum excesso de produto do aplicador. Mas cria uma linha negra mate escuríssima, que só sairá com um bom desmaquilhante bifásico, e achei o formato do aplicador muito bom para fazer os cantos do cat eye.

2 comentários :

  1. A duração do they're real é de facto boa. Mas é muito difícil dosear o produto e conseguir uma aplicação uniforme. Só o uso para "carimbar" o tracinho cat eye. Na pálpebra prefiro usar o eyeliner em caneta da Stila que também é preto que se farta e dura o dia todo sem sair do sítio.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...